UTRANSV INVESTE EM SINALIZAÇÕES SEMAFÓRICAS E SEGURANÇA NO TRÂNSITO

Nos últimos seis meses, foram realizadas trocas e implantação de novos controladores e para garantir a melhor fluidez no trânsito

A Unidade de Transportes e Sistema Viário (Utransv) da Prefeitura de Americana está investindo em novos equipamentos semafóricos na cidade, modernizando o sistema de controladores de trânsito, proporcionando a segurança aos motoristas e pedestres.

Nos últimos seis meses, foram realizadas trocas e implantação de novos controladores e iniciando o sistema de "onda verde" em alguns trechos para garantir a melhor fluidez no trânsito.

Segundo a Utransv, o sistema de "onda verde", que é a sincronização de semáforos, está sendo implantado na Avenida de Cillo, entre as Ruas das Hortências e das Imbuias, na Avenida Iacanga, entre a Rua Itapemirim até o viaduto da SP-304, na Avenida Nossa Senhora de Fátima, entre a Avenida Paulista e Rua Paraná.


Sistema de “onda verde” já funciona em alguns trechos da cidade (Foto: Prefeitura de Americana)

A sincronização de semáforos é a programação específica para uma sequência de semáforos feita pela engenharia de tráfego para melhorar o trânsito nas principais avenidas e vias importantes da cidade. O sistema deverá ser implantado em outros pontos da cidade, segundo a Utransv.

"Estamos promovendo, gradativamente, as melhorias no trânsito da cidade. A implantação da onda verde trará mais fluidez ao trânsito, principalmente nos horários de pico, evitando congestionamentos", explicou o secretário adjunto da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos (Sosu) e autoridade municipal de trânsito, Eraldo Camargo.


Novo veículo adquirido pela Utransv (Foto: Prefeitura de Americana)

A Utransv também está investindo na renovação da frota para melhorar as condições de trabalho. Na última sexta-feira (8), adquiriu, por meio de contrapartida, uma nova caminhonete em substituição à antiga, que tinha mais de 20 anos.

Fonte: Prefeitura de Americana

"Nunca tenha certeza de nada, porque a sabedoria começa com a dúvida."

Freud